Scroll Top

Coach de Relacionamentos Revela: Como Conquistar o Homem dos seus Sonhos e se Tornar uma Mulher IRRESISTÍVEL.

Coloque o seu e-mail:

Curiosidades Saúde

Como reconhecer um “ovo saudável” através da gema? Você tem comido o Ovo certo?

Seja frito, cozido, de gema mole ou dura e até mesmo cru. O ovo está presente no cardápio de muitos campeões e amantes de uma alimentação parruda.

Mas você saberia dizer qual ovo é o mais nutritivo, ou como distinguir qual galinha teve uma alimentação mais saudável, apenas observando a cor da gema? Em algumas granjas, as galinhas passam horas confinadas em locais fechados e escuros, prejudicando a sua saúde. Quando a gema tem uma coloração amarela, provavelmente a galinha não estava seguindo uma dieta tão saudável. Por isso, uma gema alaranjada é a mais nutritiva.
cor_gema_importanteVocê sem dúvida alguma já está acostumado e familiarizado com as duas tonalidades de ovos. Além disso você provavelmente também sabe que os ovos claros são provenientes de frangos de granjas enquanto os ovos castanhos são pertencentes as galinhas de penas marrons. Mas afinal, existe alguma outra diferença entre esses dois tipos de ovos? O ovo “caipira” realmente é mais saudável e nutritivo que o ovo branco? Porque pagamos mais sobre eles?

Aparentemente, a coloração dos ovos diz muito mais do que imaginamos e vai além da simples rotulação “ovo” e “ovo caipira”. Um estudo divulgado pelo Mother Earth News diz que galinhas criadas em um habitat natural são mais vigorosas e tendem a produzir ovos com mais proteínas e vitaminas do que galinhas criadas em granja.

De acordo com a Dra. Hilary Shallo Thesmar, diretora do Programa de Segurança Alimentar para o Egg Nutrition Center, o que difere as cores das gemas é o processo de alimentação das galinhas.

Assim, as penosas que vivem livres, leves e soltas, comem insetos, grãos que encontram pelo chão, milho e plantas que possuem xantofila (substância que dá o tom amarelo/laranja à gema).

Enquanto as aves de cativeiro, segundo o Mother Earth News, comem ingredientes como suplementos de vitaminas A, D3, E, B12, Ácido Fólico, Sal, Óxido de Manganês, Cloreto de Cobre, Óxido de Zinco… e muitos outros alimentos industrializados.

Mas por que se preocupar com a saúde de uma galinha? Bom, no final das contas, nós que comemos os ovos e a saúde dela reflete diretamente na nossa. Ou seja, vamos nos importar com a qualidade de vida das cacarejadoras sim!

Conforme uma notícia veiculada pelo site Distractify, os ovos cultivados fora das granjas possuem menos colesterol e gorduras saturadas, mais vitamina A, ômega-3, vitamina E e Betacaroteno.

Mesmo assim, empresas como a Nestlé ainda afirmam que a cor da gema está especificamente relacionada com a presença de carotenoides em geral e que isso não é um indicador de qualidade de nutrientes, contrariando a Dra. Hillary.

Por fim, quanto mais laranja for a gema do ovo, melhor será a qualidade da alimentação da galinha e consequentemente, melhor será a qualidade do “zoiúdo”.

Se manter a saúde em ordem é uma preocupação diária, procure consumir ovos que não venham de “fazendas industriais” e você potencialmente terá mais qualidade em sabor, textura e nutrientes.

É fácil identificar ovos “não industrializados” no mercado

Aqueles que não provém de granja (ovos caipiras) são menores e sua casca é mais rígida, porém, sempre que possível, pergunte ao comerciante/feirante sobre a origem do ovo e isso irá minimizar suas chances de comprar uma cartela errada.

Os ovos castanhos são melhores que os brancos?: Segundo C.Claiborne Ray um cientista da Universidade de Cornell ao New York times, a cor do ovo não é um indicador de qualidade, e ambos os ovos possuem o mesmo sabor e nutrição, a não ser por um mísero detalhe; os ovos castanhos tem mais ácidos graxos e ômega 3, mas o cientista também garante que a diferença é praticamente insignificante.

Porque pagamos mais caro em ovos castanhos?

A questão do preço dos ovos, está diretamente relacionado ao seu custo, e não está relacionado a uma suposta qualidade superior. A grande questão, é que as galinhas castanhas são maiores e consequentemente acabam ingerindo mais comida, aumento assim o seu custo de produção. Por esse motivo, a galinha de penas brancas é mais produzida e criada em granjas.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Comentários

Recomendados para você:



Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.