Scroll Top

Coach de Relacionamentos Revela: Como Conquistar o Homem dos seus Sonhos e se Tornar uma Mulher IRRESISTÍVEL.

Coloque o seu e-mail:

Relacionamento

Porque os homens Traem Mais que as Mulheres?

Traição é mais comum entre homens do que entre as mulheres? Para a ciência, sim. Um novo estudo indica que as traições do sexo masculino não têm tanta ligação com o autocontrole, e acontecem principalmente porque os homens têm impulsos sexuais mais fortes. Os pesquisadores ainda afirmam que, quando as pessoas precisam de autocontrole em uma determinada situação, as diferenças de gênero são mínimas.
ilustracao-para-materia-de-comportamento-sobre-traicaoA principal diferença de como homens e mulheres encaram a traição é que os homens colocam a culpa na sua própria natureza, já as mulheres colocam a culpa nos maridos, elas traem quando estão insatisfeitas com o casamento ou para vingar uma infidelidade”,”Ou seja, o homem é sempre o culpado, tanto quando trai como quando é traído.”

De modo geral, os estudos sugerem que os homens são mais propensos a ceder a tentações sexuais porque eles tendem a ter impulso sexual mais forte do que as mulheres”, diz a autora do estudo Natasha Tidwell, estudante de doutorado de psicologia da Universidade do Texas A&M.

“Mas quando as pessoas exercem o autocontrole em uma determinada situação, essa diferença de sexo no comportamento é muito reduzida”, diz ela. “Faz sentido que o autocontrole, que tem origens evolutivas relativamente recentes em comparação aos impulsos sexuais, funcione de forma semelhante para homens e mulheres”.
traiçao de homemPelo menos entre os brasileiros, os reis da traição são os homens. Aliás, se pular cerca fosse esporte, certamente estaria entre os mais praticados do país. Isso é o que indica uma pesquisa feita em 2003 pela Universidade de São Paulo (USP), que ouviu as confissões sobre infidelidade de quase 4 mil pessoas casadas em 17 cidades. De acordo com o estudo, metade dos homens já deu suas escapadinhas pelo menos uma vez durante o matrimônio. Entre as mulheres, o índice médio de infidelidade é bem menor, em torno de 22%. Para entender tamanha diferença, é preciso considerar fatores biológicos e tradições típicas do nosso país. “Primeiro, devemos ter em mente que o homem tem um hormônio sexual muito potente, o andrógeno. Isso pode gerar maior agressividade sexual em relação à mulher, influenciada por um hormônio mais suave, o estrógeno. Em segundo lugar, a cultura brasileira dá ao homem liberdade para fazer sexo e diversificar suas conquistas”, afirma a psiquiatra Carmita Abdo, coordenadora da pesquisa da USP.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Comentários

Recomendados para você:



Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.