Coach de Relacionamentos Revela: Como Conquistar o Homem dos seus Sonhos e se Tornar uma Mulher IRRESISTÍVEL.

Coloque o seu e-mail:

Curiosidades

Eles Avistaram Algo Mexendo em alto-mar, Mais o que eles viram vaI te deixar Muito IMPRESSIONADO

Depois do espanto, eles descobriram que andava ali à deriva, ao sabor do mar, há 14 meses!
José Alvarenga, 37, de El Salvador, saiu de sua casa para pescar, em 2012, e voltaria somente 14 meses depois, após ficar todo esse longo período à deriva.
naufrago_1Naquela ocasião, José e o amigo foram para mais um dia de pesca num pequeno barco. Devido ao forte temporal, eles foram levados para bem longe da costa. Horas depois, perceberam que estavam perdidos, sem o motor do barco e o sistema de comunicação.
José só foi encontrado meses depois, chocando o mundo com uma história de sobrevivência que parecia ter saído de um filme.
naufrago_2José contou que o amigo morreu 16 semanas depois de se perderem no mar. Para buscarem conforto, costumavam dormir nos braços um do outro e rezarem muito.

“O oceano tornou-se todo o nosso mundo e ele era o único amigo que eu tinha. Fizemos tudo para confortar um ao outro, até mesmo dormir nos braços um do outro.” O mapa abaixo mostra em que região ele foi parar (Marshall) do ponto em que saiu (México).
naufrago_4O náufrago relatou que o amigo morreu porque foi incapaz de comer o que havia disponível: alimentos crus como peixe, sangue de tartaruga e carcaças de gaivota.

Para matar a sede, bebia a sua urina e até mesmo água da chuva. Ele relata que a fome era tanto que havia momentos em que comia as próprias unhas.
naufrago_514 meses depois, todo o sofrimento de José chegaria ao fim ao ser avistado em alto-mar. A sua história chocou muita gente, mas inspirou milhares também.
José ainda foi acusado e processado por se ter alimentado da carne do amigo morto, mas ele desmentiu ao dizer que jamais seria capaz de fazer algo tão brutal.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Comentários

Recomendados para você:



Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.